top of page
Buscar
  • Foto do escritorCedro Consultoria Ambiental

DDS RISCOS BIOLÓGICOS


No ambiente de trabalho é fundamental a avaliação e análise de agentes biológicos considerando critérios e parâmetros que permitam o reconhecimento, identificação e a probabilidade do impacto ou dano causado na saúde do trabalhador.

É necessário também determinar a classificação dos agentes biológicos para poder introduzir no ambiente de trabalho medidas de biosegurança, administrativas, ergonômicas, organizacionais e relacionadas com a qualificação dos trabalhadores.

A partir desta classificação é possível definir as prioridades dos meios de controle e prevenção dos riscos biológicos no ambiente de trabalho e manter os trabalhadores seguros independente da classe do risco ao qual ele está exposto.

Além disso, essa classificação possibilita a legislatura dos adicionais de insalubridade, dispostos na NR 15, que no caso de agentes biológicos é caracterizado por avaliações qualitativas.

Os profissionais da área de Segurança e Saúde Ocupacional são responsáveis pela avaliação de risco do agente biológico no ambiente de trabalho e determinar o plano de medidas preventivas adequado ao nível de exposição (concentração e volume) e manipulação do agente biológico pelo trabalhador, conforme destacado pela NR 32.

A contaminação por agentes biológicos pode se dar por meio das vias aéreas, ou seja, pela respiração, pela pele, em contato direto com agente ou acidentes com agulhas usadas, ou até mesmo por picadas de insetos e animais peçonhentos.

É por meio da identificação destes riscos e das maneiras de contaminação que se constroem os meios de prevenção. No caso de Riscos Biológicos, existem as normas de Biossegurança, que são um conjunto de medidas a serem tomadas para se amenizar ou evitar a exposição dos trabalhadores aos agentes.


853 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


whatsapp-logo-1.png
bottom of page